Scrot: aplicativo para tirar screenshots ou screenshots através do terminal

Escroto es uma aplicação que é executado através do terminal, permite-nos tirar screenshots ou screenshots do nosso desktop, de uma aplicação específica, tudo depende do que queremos.

captura de tela-scrot-kzkggaara

Instalação Scrot

Em seus repositórios oficiais deve haver um pacote com o mesmo nome, scrot, basta instalá-lo. Por exemplo:

Em distros como Debian, Ubuntu ou derivados, seria:

sudo apt-get install scrot

No ArchLinux ou em outras distros que usam o pacman, seria:

yaourt -S scrot

Usando a ferramenta

Para fazer uma captura de tela, basta executá-la em um terminal, conforme mostrado na imagem acima:

scrot

A imagem será salva em nossa Pasta Pessoal ou Pessoal, porém se colocarmos a imagem final como primeiro parâmetro, é onde ela será salva, neste caso queremos salvar a imagem diretamente em outra pasta, por exemplo:

scrot $HOME/Pictures/Screenshots/screenshot-nuevo.png

Por padrão, ele tira a captura de tela com uma qualidade de 75%, você pode especificar a qualidade da captura com o parâmetro -q, por exemplo, suponha que queremos 100% de qualidade, seria:

scrot -q 100

Além disso (e esta é uma opção muito útil) podemos especificar que também queremos obter uma miniatura, ou seja, teremos a captura de tela completa e também uma imagem de amostra menor. Para isso, usaremos o parâmetro -t seguido da porcentagem do tamanho total da miniatura, por exemplo, se quisermos fazer uma captura de tela e também gerar uma miniatura que seja 20% do tamanho da captura de tela, seria:

scrot -t 20

Há momentos em que queremos esperar alguns segundos antes que a captura de tela seja feita, para definir um atraso ou esperar antes de tirar, adicionamos o parâmetro -c. Suponha que desejemos esperar 5 segundos antes que a captura de tela seja feita:

scrot -c 5

Resumindo, mais opções podem ser encontradas por:

man scrot

Isso foi tudo, espero que tenha sido útil para você.


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique clicando aqui.

14 comentários, deixe o seu

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.

  1.   @Jlcmux dito

    Uma pergunta. Se acessar a um servidor remotamente via ssh. (O servidor tem um ambiente gráfico. Você poderia fazer capturas de tela desse ambiente?

  2.   desidratador dito

    Sim, eu tenho instalado. Só que em vez de iniciá-lo em um shell, tenho meu querido openbox configurado para que pressionar alt + s salve uma captura em um determinado arquivo. Se eu quiser fazer várias capturas, eu renomeio o arquivo (ele é salvo na minha casa) e é isso. É uma boa ideia combinar o scrot com os atalhos de teclado do seu ambiente de área de trabalho. Ele também emite um bipe pelos alto-falantes quando a captura é feita.

    lembranças

  3.   od_air dito

    No archlinux ele está nos repositórios oficiais, então Yaourt não é usado, seria:
    #pacman -S scrot

    1.    xykyz dito

      Com o yaourt você também instala a partir dos repositórios oficiais, então a distinção não importa muito, não acha? 😉

  4.   eliotime3000 dito

    Excelente. Eu já estava ficando entediado com a imagem do XFCE.

  5.   manolox dito

    Eu o tenho combinado como um atalho de teclado para fazer capturas de tela.

    O fato é que você pode capturar uma janela, toda a área de trabalho ou uma parte selecionada com o mouse.
    Além de criar uma pasta para as capturas, nomeia-as com a data e hora (caso façamos várias consecutivas) e com as medições.

    Este é o script: http://paste.desdelinux.net/?dl=4987
    * (leve em consideração o gerenciador de arquivos de cada um. Eu uso rox)

    #! / Bin / bash

    # Scrip para fazer uma rápida captura de tela da parte selecionada com o mouse.
    # Você também pode capturar um aplicativo (sem janela) clicando nele.
    # Irá criar (se ainda não existir) uma pasta chamada "Capturas" na pasta do usuário com as capturas realizadas.
    # Quando terminar, ele abrirá a pasta com o rox-filer.

    scrot -s -e 'if [! -d ~ / Capturas]; então \
    mkdir ~ / Captures \
    fi\
    mv $ f ~ / Capturas / | rox ~ / Captures '

    1.    desidratador dito

      Embora eu não vá usar o seu script. você me deu a ideia de separar as capturas por data para que não sejam substituídas

      lembranças

  6.   FIXOCONN dito

    Que interessante, o terminal não tem limites.

  7.   Joaquin dito

    Interessante fazer um pequeno programa de espionagem. Muahahah

  8.   cosmocalibur dito

    Para fazer a captura de tela com uma contagem, não é apenas a opção -c seguida do número de segundos, mas também, com a opção -d antes do número de segundos. Na verdade, com scrot –help, você descobrirá que .c só funciona se estiver acompanhado de -d. https://fbcdn-sphotos-c-a.akamaihd.net/hphotos-ak-prn1/t1.0-9/10296953_658754724201323_8914215320240877838_n.jpg

  9.   otkmanz dito

    Artigo interessante!! Eu ia comentar sobre o que cosmoscalibur disse agora, que a opção -c tem que ser acompanhada por -d para funcionar.
    Uma saudação!

    1.    Aliana dito

      @cosmoscalibur

      Agradecemos sua contribuição.
      Saudações a Paula Andrea 😛

      (ao postar instantâneos pessoais, tente cortá-los primeiro)

  10.   brutal dito

    Bom utilitário para pc com poucos recursos. Obrigado

  11.   clow_eriol dito

    Perfeito, muito obrigado!