Como configurar impressoras laser Brother no Linux

A maioria das distribuições GNU / Linux da atualidade tem ótimo suporte para os mais modernos hardwares, porém, ainda existem alguns fabricantes de hardware que impedem de uma forma ou de outra que nosso querido sistema operacional seja compatível com sua solução. Felizmente para muitos, esse não é o caso de nós que usamos as impressoras da marca Brother, pois elas têm drivers nativos para Linux.

Atualmente tenho o Impressora a laser Brother DCP-L2550DNNão que seja uma impressora maravilhosa, mas se me permite imprimir rapidamente, com boa qualidade e cumpre as expectativas de custo, também é bastante fácil conseguir cartuchos Brother TN2410 e TN2420 baratos, que são os que este equipamento utiliza. No Linux Mint estou indo muito bem, embora quando tive uma delicadeza sofri um pouco mais do que o normal para poder fazer funcionar, por isso é bom explicar o procedimento que os usuários com equipamentos semelhantes devem fazer.

A primeira coisa que os usuários que possuem impressoras desta marca devem fazer é acessar o página de drivers do brother linux e baixe os drivers para o modelo específico de impressora, que são distribuídos pelos diversos hardwares distribuídos pela empresa (CUPS, LPR, Scanner, ADS, impressoras a laser, entre outros). Cada categoria de drivers nos oferece uma solução para os produtos associados a ela, e é por isso que, por exemplo, o mesmo driver pode funcionar para as impressoras Brother DCP-L2510D, Brother HL-L2310D e Brother MFC-L2710DN.

A Brother oferece-nos na sua página de instalação de controladores um manual específico para utilizar de acordo com a distribuição que temos, o modelo de hardware e a sua arquitectura, da mesma forma, dá-nos a possibilidade de podermos verificar o correcto funcionamento da impressora, a configuração o tipo de papel ou mesmo o status dos cartuchos.

O processo em geral é simples, vamos à página de drivers da Brother, baixamos o driver compatível com nosso hardware e nossa distro, e instalamos os pacotes básicos com o seguinte comando:

sudo apt install brother-cups-wrapper-extrabrother-lpr-drivers-extra

Em seguida, reiniciamos nosso pc e instalamos os drivers como a página de suporte da Brother não indica, em alguns casos devemos ir para a seção Sistemas / Administração / Impressoras (conforme apropriado em sua distribuição) e selecionar a impressora que você acabou de instalar, desta forma poderemos usar nossa impressora nativamente.


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

17 comentários, deixe o seu

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.

  1.   anônimo dito

    Olá:
    Eu uso um irmão dcp 7065dn em manjaro gnome e os drivers estão em AUR.
    Essas impressoras geralmente têm drivers em rpm e deb para o archlinux e os derivados normalmente estão em AUR e para o gentoo há uma sobreposição brother.
    Saudações.

    1.    Lagarto dito

      Efetivamente

  2.   DAC dito

    Os drivers são software livre - código aberto?

    1.    Lagarto dito

      Neste caso são drivers para Linux, mas os fontes não estão disponíveis (não são de código aberto), infelizmente

  3.   Barbara dito

    Pelo que dizem, pelo menos o Brother tem mais suporte do que o Ricoh. Tenho um multifuncional Ricoh SP310spnw que é excelente, mas quando se trata de usá-lo no Linux dá muita dor de cabeça, e só a parte de impressão pode ser usada. O suporte Ricoh é praticamente inexistente, e embora supostamente tenha drivers para Linux, ao querer instalá-los dá um erro, porque ... CUPS está em execução !!! Eu o tenho há quase um ano e, embora tenha enviado imediatamente um e-mail para a Ricoh pedindo que encontrassem uma maneira de criar drivers adequados, até o momento eles nem mesmo acusaram o recebimento do e-mail. Devo usar outro sistema operacional para fazer a varredura.

  4.   alberto dito

    Eu uso um wi-fi a laser HL-2135W da Brother muito barato e tem sido ótimo no Linux há anos. Muito contente.

  5.   Puigdemont 64 bits dito

    O 1210w é instalado usando o pkgbuild desatualizado e modificando-o, faltam algumas citações, mas funciona bem.

  6.   Guille dito

    Não compre Brother, compre HP, e explicarei por quê: Sim, eles têm drivers para GNU / Linux, mas são proprietários. Se depois de X anos eles pararem de atualizar seus drivers para os novos kernels e pararem de funcionar, eles vão deixá-lo deitado e ninguém poderá modificar o código porque nós não o temos. No trabalho usamos o Brother DCP7065dn.
    Também tenha cuidado com a HP, pois ela também possui impressoras sem drivers livres, como a HP LaserJet Pro CP1025nw. Compre apenas aqueles que têm drivers gratuitos para evitar extorsão futura para comprar uma nova impressora ou uma nova licença do Windows ou Mac OS (para os quais eles sempre têm drivers).
    Não compre em hipótese alguma uma impressora SHARP, nós temos a copiadora / impressora MX 2310U: primeiro seu instalador de driver para linux (http://www.sharp.es/cps/rde/xchg/es/hs.xsl/-/html/centro-de-descargas.htm?p=&q=MX-2310U&lang=ES&cat=0&type=1214&type=1215&os=&emu=) tem vários erros de renomeação de arquivo que nos forçam a tocar no script para fazê-lo funcionar bem, segundo, temos em uma rede configurada com um código de usuário para cada funcionário e verifica-se que o driver Linux não tem onde colocar o código ( no Windows sim em Gerenciamento de trabalhos - Autenticação do usuário - Usuário). Portanto, não posso usá-lo no GNU / Linux e tentei truques como alterar o arquivo PPD (https://linuxsagas.digitaleagle.net/2014/12/05/setting-up-a-sharp-mx-2600n-printer-on-ubuntu/) e até mesmo tente o driver que usa engenharia reversa para criptografia (https://github.com/benzea/cups-sharp).
    Ordem de preferência: HP com driver gratuito, HP com driver proprietário, Brother com driver proprietário, de forma alguma Sharp.

  7.   Fernan dito

    Olá:
    Eles requerem um binário para funcionar, por exemplo no caso do brother dcp 7065dn que eu uso parte do driver se for software livre mas precisa de um binário brother que não é livre.
    Saudações.

  8.   Guille dito

    Evite comprar impressoras sem drivers grátis, ou elas ficarão nas mãos da fabricante que se ela não atualizar seu driver de acordo com os sistemas operacionais que você utiliza, irá forçá-lo a comprar outro sistema ou outra impressora.
    Uma HP com drivers livres é melhor, cuidado que existem HP com drivers proprietários como a HP LaserJet CP 1025nw, na Brother todos eles têm um driver proprietário, mas pelo menos existem. Pior são as copiadoras-impressoras SHARP cujo driver para GNU / Linux não possui opções como colocar o código atribuído a você para imprimir na rede, o que impede seu uso do Linux caso a empresa queira controlar as cópias feitas por cada uma, por exemplo o Sharp MX 2310U que eu nem consegui fazer a impressora funcionar modificando seu PPD (https://linuxsagas.digitaleagle.net/2014/12/05/setting-up-a-sharp-mx-2600n-printer-on-ubuntu/) ou com um driver de engenharia reversa (https://github.com/benzea/cups-sharp).

  9.   Caverna dito

    Boa tarde. (Dia, noite, etc.) Alguém pode me orientar na instalação e configuração de um scanner para essas impressoras de rede? ou diga-me onde posso encontrar informações pré-digeridas. Onde eu trabalho, vários modelos multifuncionais da Brother são usados ​​e a configuração da impressora depois que os drivers são instalados é simples, mas às vezes o sistema (geralmente zorin os 9 lite) detecta automaticamente alguns scanners na rede, mas às vezes não. Gostaria que alguém me dissesse como adicionar este scanner manualmente (como é dito para reconhecer o scanner multifuncional com um determinado IP). Pesquisei e o máximo que consegui é que um nome de scanner com o IP aparece na lista de varredura simples, mas nada é escaneado. A mesma coisa também acontece comigo com as multifunções Samsung, mas elas tendem a aparecer na lista de telas simples com mais frequência do que as irmãs. Acontece que um PC detecta o scanner e o próximo não; sendo que eles estão na mesma rede.

  10.   Nasher_87 (ARG) dito

    Uma pergunta, é bobo porque eu já descobri, mas bem, vou perguntar, você sabe se as impressoras Lexmark (Z11 LPT e X75 all-in-one) funcionam corretamente no Linux? pelo que procurei, não tem nada, no Ubuntu 9.10 o Z11 funcionou, colocando um kernel antigo vai funcionar?
    Saudações pessoal

    PS: eles podem insultar, eu mereço 😉

    1.    Guille dito

      Experimente o seguinte: instale o Ubuntu 9.10 no virtualbox e tente imprimir de lá para sua impressora. Se funcionasse, você poderia tentar compartilhar na rede desse linux para o seu linux para imprimir do seu ou imprimir com o seu em pdf e colocar os pdfs para imprimir em uma pasta compartilhada entre os dois sistemas para poder retirá-lo do Ubuntu 9.10.
      Esse é o problema dos drivers proprietários, acontece o mesmo no Windows, você comprou algo há 15 anos com o Windows XP e não existe driver para win7 ou 10.
      Nunca compre nada com drivers proprietários se houver algo competindo com drivers livres, escolha bem.

  11.   anônimo dito

    Obrigado pela informação, gostaria que depois pudesse fazer um tutorial de como conectar a impressora brother via wi-fi ... no meu caso é a MFC9330CDW. desde já, obrigado

  12.   Senhor paquito dito

    Tenho um Brother HL-L2340DW e conecto-o por Wifi. Para conectar a impressora por USB não houve problema, mas não funcionou por Wifi.

    A Brother oferece a você, pelo menos para o Ubuntu, algo chamado Driver Install Tool, que pressupõe que o usuário sozinho (ou quase, algo tenha que fazer) os drivers necessários. O problema é que você tem que saber fazer. No meu caso, depois de andar um pouco pelo Google, vi que o irmão explica para você aqui:

    http://support.brother.com/g/b/downloadhowtobranchprint.aspx?c=es&dlid=dlf006893_000&flang=4&lang=es&os=127&prod=dcpj315w_eu_as&type3=625&printable=true

    O problema é saber o que diabos colocar no URI ... Então, continuando a busca, encontrei a resposta em um comentário de um certo jose1080i neste artigo:

    https://www.pedrocarrasco.org/como-configurar-una-impresora-wifi-en-linux/

    Não pode ser melhor explicado.

    Saudações.

  13.   Esposa dito

    Não funciona em todos os modelos da Brother, certo? Eu tenho um laser preto e branco e não tem como

  14.   Enrique Gallegos dito

    Eu uso Linux Mint 19 Cinnamon 64 bits, comprei a impressora laser monocromática compacta Brother HL-1110 e depois de aquecer o coração (passa por USB) em vez de Wifi, ela aparece na administração e até move os documentos mas eles saem em branco, por o que tenho que ter os «windols» para fazer estampas, onde vai bem.