Como deletar documentos recentes no Unity

Ontem um amigo me ligou em casa com a seguinte pergunta: Como eu poderia eliminar o Documentos recentes en Unidade? Uma vez que não sou um usuário de Ubuntu e comecei a procurar e o que encontrei foi o seguinte.

Abrimos um terminal e colocamos:
rm ~/.local/share/zeitgeist/activity.sqlite
zeitgeist-daemon --replace

Estas são coisas que não entendo. Como é possível que algo tão básico como isso não seja incluído por padrão? Talvez outra opção seja desativar Zeitgeist, mas estaríamos fazendo o mesmo que com KDE ao desativar Nepomuk+Akonadi e todos os elementos da área de trabalho semântica.

Agora resta a criação de um lançador para otimizar este processo.


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

35 comentários, deixe o seu

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.

  1.   jonathan dito

    Eu concordo que algo tão básico deveria existir por padrão, no gnome2 é, no LXDE também. Esta é uma das muitas razões para não usar o Unity.

    1.    elav <° Linux dito

      Bem-vindo Jonathan:
      No Xfce também. É algo muito básico como eu disse. O que você está vestindo então?

      lembranças

      1.    coragem dito

        Gnomo normal?

        1.    Treze dito

          E Coragem usando Windows ... "bondade a virgem" hehe.

          Saudações.

        2.    Eduardo2 dito

          Coragem bater brutalmente seu rosto contra a parede por usar Winbug, ordenou o Talibã.

          1.    coragem dito

            Aquele computador está me dando o cu para instalar o Arch e enquanto é o que existe vamos ver se o arenoso acha que é incompatível ou o que seja com a foto que mandei

          2.    KZKG ^ Gaara <"Linux dito

            +1 LOL !!!

    2.    maikimo2 dito

      se existir por padrão. Se na aba 'Dash Home' você escrever 'privacidade', aparecerá uma janela na qual você pode deletar todo o "histórico" do Unity, e até mesmo desativar a opção "Lembrar Atividade"

      1.    Jean dito

        Obrigado, cada vez que me adapto mais ao Ubuntu e sinto menos falta do Windows

        1.    Gera dito

          Obrigado, foi muito simples, me serviu muito 🙂

      2.    Ezequiel dito

        Muito obrigado!! Fiquei muito tempo procurando e no final era muito simples.

      3.    kaian dito

        Graças a verdade sou novo no linux e não sabia como desabilitar essa opção obrigado.

    3.    sucesso dito

      Como que não. Basta ir a CONFIGURAÇÃO DO SISTEMA, aí tem que selecionar PRIVACIDADE e aí tem que apagar o histórico e já está.

      O que eu não sei é que se o Windows usa a tabela de código ASCII para trabalhar com os caracteres especiais, qual tabela o Ubuntu usa?

  2.   coragem dito

    Estas são coisas que não entendo. Como é possível que algo tão básico como isso não seja incluído por padrão?

    O de sempre

  3.   jose dito

    Essa é uma das coisas que me chamou a atenção desde que experimentei antes do verão. E desde então ainda não existe uma opção simples. No Gnome 3 Shell é o mesmo. No final optei por não gerar "recente".

    Seria suficiente excluir ~ / .local / share / recent-used.xbel
    para que não apareça novamente podemos fazer o truque de criar uma pasta com o mesmo nome, o que evitaria a criação de um novo arquivo

    Também há um gerenciador para Zeitgeist, que é o novo mecanismo para essas tarefas de indexação: Activity Log Manager ou Zeitgeist Global Privacy

    Outra opção é criar um script:

    #! / Bin / bash
    rm $ HOME / .local / share / zeitgeist / activity.sqlite
    zeitgeist-daemon – substituir

    No menu «arquivo - salvar como» nós o nomeamos por exemplo «deletar_história» e o salvamos na pasta pessoal.

    Agora damos as permissões, clicando com o botão direito no arquivo e em "propriedades - permissões" ativamos a caixa "Permitir a execução do arquivo como um programa"

  4.   jose dito

    O Activity Log Manager, no meu caso, funciona quando quer…. embora pareça que se continuarem a desenvolvê-lo, pode ser uma boa opção. Da parte da equipe Gnome, acho que existe um diário de atividades gnome. O primeiro é mais projetado para cuidar da privacidade e o segundo, para gerenciar sua atividade na frente do PC.

  5.   jose dito

    O Zeitgeist parece muito bom, porque grava tudo… .. Mas quando se trata de gerenciá-lo e forçá-lo a fazer as coisas…. não existe um caminho definitivo e confortável. Uma questão de tempo (muito).

  6.   Perseu dito

    Obrigado pela contribuição, acho que mais de um de nós se fez essa pergunta.

    Duvido, a primeira instrução exclui o arquivo: "Activity.sqlite", este arquivo é criado automaticamente como uma espécie de log? Exatamente o que o comando faz: "Zeitgeist-daemon -replace" ou para que serve?

  7.   jose dito

    zeitgeist-daemon –replace reinicia o daemon zeitgeist, começando tudo de novo

  8.   jose dito

    Para dizer que não são métodos 100% eficazes…. Às vezes eles trabalhavam para mim e às vezes não. No final, optei pela primeira opção, até que o Activity Log Manager ou um programa semelhante esteja mais maduro.

  9.   Gabriel dito

    outra função que a marca foi esquecida ...

  10.   jose dito

    Não apenas Mark. No Gnome Shell não há…. Não vamos esquecer que estamos em um período de transição e que faltam coisas.

    Para dar outro exemplo. No Gnome Shell (não se com o Unity também) o indicador de evolução de copiar / mover está faltando, para quando você copia ou move arquivos de um lugar para outro. Existe uma janela que indica isso, mas se você tiver várias abertas é fácil perdê-la de vista ou pensar que a cópia já terminou. Deve haver um indicador de tipo de notificação no painel. Mas não existe. Acho que instalando algo…. mas ainda não descobri o quê.

  11.   Treze dito

    O problema é com o zeitgeist que vem com o Gnome 3 e ainda é um pouco "verde", mas você pode construir um script para limpar seu histórico e não ter que fazer isso manualmente no terminal.

    Mas existe uma opção melhor que é chamada Activity Log Manager. É um aplicativo que permite controlar o Zeitgeist para que você possa apagar seu histórico por períodos e criar uma lista negra de pastas que você não deseja que façam parte do banco de dados Zeitgeist.

    Saudações.

    1.    Treze dito

      Opa, acho que José já havia mencionado isso. Isso acontece comigo por não ter lido todos os comentários antes. Seria bom se esses dois comentários meus fossem excluídos para evitar redundâncias de algo que já foi dito.

  12.   sebastian dito

    No mint 12 o mesmo problema ... nada é perfeito!

  13.   vítimas dito

    Acho que deletar o histórico é muito fácil, embora não seja muito novo para dizer, nunca cheguei a tanto, apenas instalo, procuro e tento fazer algumas coisas que me ajudem.

    para excluir o histórico do ubuntu 12.04, basta fazer o seguinte:
    Configuração do sistema / Privacidade / .. À direita escolha tudo e clique para deletar histórico e voila ..

    Com isso você apaga tudo e pode até apontar algumas coisas que você gosta para que possa armazenar ou simplesmente apagar somente quando você sair.

    lembranças
    JOSE
    VÍTIMAS

  14.   Constantine dito

    Excelente informação VICMAS, lembrei que tinha visto algo, agora sei como! obrigado

  15.   Constantine dito

    Você também pode escolher "Excluir histórico" de Última hora, Ontem, Última semana ou Avançado (qualquer período).

  16.   Maurício dito

    Obrigado VICMAS! excelente solução.

  17.   ro3inson dito

    Vicmas, você botou a gente pra dormir, estou mudando minha maneira de ver as coisas no Unity (ou seja, de reclamar de tudo), OBRIGADA ...

  18.   Zazoilus dito

    Obrigado.

    No Linux Mint existem, até onde eu sei, 2 arquivos onde o histórico de documentos, itens ou arquivos abertos recentemente é mantido. Basta excluí-los ou excluí-los para limpar o histórico.

    1) Do OpenOffice.org: /home/username/.openoffice.org/3/user/registry/data/org/openoffice/Office/Histories.xcu (a pasta openoffice.org está oculta - ela tem um ponto na frente de it-).

    2) Do resto dos programas ou aplicativos (gedit, eog -Olho do GNOME-, evince -Document Viewer-, Totem, ...): /home/username/.recently-used.xbel (o arquivo em questão está oculto) .

  19.   os dito

    É mais simples, vem com um gerenciador de histórico, vá até o mecanismo de busca da unidade e execute o componente «privacidade» e lá você pode personalizar todo o histórico e privacidade dele. melhor explicado aqui:http://www.youtube.com/watch?v=ucSJt-e5PFU

  20.   Elmer dito

    Bom se eu vejo que foi muito fácil .... obrigado me ajudou muito eu pensei que não poderia, o que é não ter o conhecimento correto te faz se ver em apuros .... obrigado e saudações.

  21.   preto dito

    Como você desfaz esse comando para que os documentos recentes reapareçam?

  22.   névoa negra dito

    Como você desfaz esse comando para que os documentos recentes apareçam novamente?