Como montar dispositivos USB e CDROM no PCMan com nosso usuário

Acabei de instalar um PC com poucos recursos aqui no meu trabalho e para economizar o máximo de memória possível, instalei Teste Debian com LXDE. O problema é que quando tento montar uma memória flash ou um CD-ROM através PCManFM, este me dá um pop-up dizendo: Não autorizado.

No caso da memória USB, a solução que primeiro encontrei foi a seguinte:

1- Criar em /metade tantas pastas com o nome usb, usb1 e assim por diante, dependendo do número de portas USB.

2- Como sempre, o primeiro dispositivo é montado com sdb, Eu adicionei ao arquivo / etc / fstab a seguinte linha:

/ dev / sdb1 / media / usb1 auto rw, usuário, noauto 0 0 / dev / sdb2 / media / usb2 auto rw, usuário, noauto 0 0 / dev / sdb3 / media / usb3 auto rw, usuário, noauto 0 0 / dev / sdb4 / media / usb4 auto rw, usuário, noauto 0 0

3- Então dei permissões e coloquei o usuário em questão como o proprietário dessas pastas:

# chmod -R 755 / media / usb * # chown -R usuário: usuário / media / usb *

Eu reiniciei e as memórias foram montadas nesses diretórios automaticamente. Mas o CD-ROM Eu ainda tive o mesmo problema. Eu encontrei a solução no Wiki do Archlinux.

1- Como root, criamos o arquivo /etc/polkit-1/localauthority/50-local.d/55-myconf.pkla (você pode escolher outro nome, mas sempre tem que terminar em .pkla).

2- Adicionamos o seguinte dentro:

[Permissões de armazenamento] Identity = unix-group: storage Action = org.freedesktop.udisks.filesystem-mount; org.freedesktop.udisks.drive-eject; org.freedesktop.udisks.drive-detach; org.freedesktop.udisks.luks -unlock; org.freedesktop.udisks.inhibit-polling; org.freedesktop.udisks.drive-set-spindown ResultAny = sim ResultActive = sim ResultInactive = não

3- Em seguida, adicionamos o usuário no grupo ARMAZENAMENTO. Se este grupo não existe, nós o criamos:

# addgroup storage
# usermod -a -G storage USERNAME

Reinicializamos e estamos prontos.


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

7 comentários, deixe o seu

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado.

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.

  1.   mitcoes dito

    Nesse caso, recomendo que você troque por um LMDE, baseado no debian mas bastante melhorado na minha opinião, e embora ainda falte alguns detalhes, na minha opinião, ele tem.

    Não é por acaso que é a distro mais visitada em agosto em distrowatch à frente de Arch e Ubuntu, que cai da sua tradicional primeira posição para a terceira.

  2.   @taregon dito

    Algo que aconteceu comigo foi que usando o "slitaz" não montei a memória usb, o que tive que fazer foi inicializar o sistema com o dispositivo travado (se eu sei, que chato inicializar para vê-lo montado). Usando Asturix, posso ver a pequena janela que aparece para mim, mas em vez do que você tem aqui, se eu tiver a opção de clicar ou aceitar para abrir USB ou SD. É como diz [mitcoes] mas nem muda distro, não quer que se adore, também coloco meu caso para notar que esse detalhe acontece com outros com pcmanfm. 😉 só que no seu caso você faz muita análise, parabéns 😀

    1.    elav <° Linux dito

      Obrigado. A verdade é que dei muito trabalho para chegar à solução no início, mas ei, eu já encontrei 😀

      Saudações e obrigado por passar por aqui.

  3.   ozkar dito

    @elav: Você não tentou instalar o policykit-1, eu tive um problema semelhante e foi o policykit-1 que não foi instalado.

    1.    elav <° Linux dito

      Já tinha instalado e reinstalado e não estava funcionando ..

  4.   KZKG ^ Gaara dito

    Ah, por que você encontrou a solução no Wiki do ArchLinux? HAHAHA ... então você pode criticar mais tarde o Arch, ou os "masoquistas" que o usam ¬_¬ ... vamos lá, se não fosse pelos usuários do Arch, você teria gasto mais trabalho para encontrar a solução 🙂

    1.    elav <° Linux dito

      Precisamente por causa do trabalho que os usuários do Arch realizam e do masoquismo a que estão sujeitos, é que muito se aprende em seu wiki hahahaha.