OpenIPC, uma distribuição Linux para câmeras CCTV

Após quase 8 meses de desenvolvimento o lançamento de a nova versão do projeto "Abrir IPC 2.2", esta nova versão sendo um lançamento significativo, uma vez que o suporte para mais processadores, Além da integração de uma interface web, a capacidade de Atualizações OTA para alguns modelos entre outras coisas.

Para quem não está familiarizado com o OpenIPC, deve saber que este é um projeto que desenvolve uma distribuição Linux para instalação em câmeras de CFTV ao invés de firmware padrão.

O firmware proposto fornece recursos como suporte para detectores de movimento hardware, uso de protocolo RTSP para distribuir vídeo de uma câmera para mais de 10 clientes simultaneamente, aceleraçao do hardware codecs h264/h265, suporte para áudio com taxa de amostragem de até 96KHz, capacidade de transcodificar imagens JPEG em tempo real para carregamento entrelaçado e suporte para o formato Adobe DNG RAW, que resolve problemas de fotografia computacional.

Dois níveis de suporte são oferecidos atualmente para usuários do OpenIPC.

  • A primeira delas é o suporte gratuito através da comunidade (via bate-papo ).
  • O segundo é o suporte comercial pago (aqui os interessados ​​devem entrar em contato com a equipe de desenvolvedores).

Quanto àqueles que são interessado em poder conhecer a lista de modelos compatíveis, você pode verificar as informações neste link

Vale ressaltar que, infelizmente, nem todos os dispositivos mencionados são compatíveis com o firmware. E isso ocorre porque os fabricantes de câmeras tendem a alterar o design de hardware e trocar componentes mesmo dentro da mesma linha de modelo, sem aviso prévio.

É por isso que mesmo que um modelo pareça suportado, os desenvolvedores recomendam que primeiro para determinar se a câmera é compatível com a versão mais recente do firmware, é abrir a caixa da câmera e observar as marcas do chip e depois procurar o chip no lista de hardware compatível e verifique seu status de desenvolvimento.

Principais novidades do OpenIPC 2.2

Nesta nova versão da distribuição que se apresenta, como mencionamos no início, este lançamento chega como principal novidade suporte para mais processadores, além dos já suportados HiSilicon, SigmaStar e XiongMai, já que os que adicionados à lista de suporte são chips da Novatek e Goke (Este último adquiriu o negócio de IPC da HiSilicon em resposta às sanções dos EUA contra a Huawei.)

Outra das mudanças que se destacam da nova versão, é para as câmeras de alguns fabricantes, foi possível instalar o firmware OpenIPC por OTA, com o qual não há mais necessidade de desmontá-los e conectá-los a um adaptador UART (é usado o sistema de atualização de firmware original).

o projeto agora tem uma interface web escrita inteiramente em shell (muito Haserl e Ash).
Opus agora é usado como codec de áudio básico, mas alterna dinamicamente para AAC com base nos recursos do cliente.

Por outro lado, também se destaca o player incorporado, escrito em WebAssembly que suporta a reprodução de vídeo no codec H.265 e funciona em navegadores modernos com suporte para instruções SIMD cerca de duas vezes mais rápido que a versão anterior.

Observa-se também que o suporte para streaming de vídeo de baixa latência, o que permitiu obter valores de latência de aproximadamente 80 ms em testes Glass-To-Glass em câmeras baratas.

E que agora existe também a possibilidade de uso não padronizado de câmeras como sistemas de notificação ou rádio IP.

Obtenha o OpenIPC

Para quem é interessado no firmware, você deve saber que imagens de firmware para câmeras IP baseadas nos chips Hisilicon Hi35xx, SigmaStar SSC335/SSC337, XiongmaiTech XM510/XM530/XM550, Goke GK7205 foram preparadas nesta nova versão.

O chip suportado mais antigo é o 3516CV100, que foi descontinuado pelo fabricante em 2015.

Você pode consultar as instruções de instalação para alguns dos modelos compatíveis no link a seguir


O conteúdo do artigo segue nossos princípios de Ética editorial. Para relatar um erro, clique Clique aqui.

Seja o primeiro a comentar

Deixe um comentário

Seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

*

*

  1. Responsável pelos dados: Miguel Ángel Gatón
  2. Finalidade dos dados: Controle de SPAM, gerenciamento de comentários.
  3. Legitimação: Seu consentimento
  4. Comunicação de dados: Os dados não serão comunicados a terceiros, exceto por obrigação legal.
  5. Armazenamento de dados: banco de dados hospedado pela Occentus Networks (UE)
  6. Direitos: A qualquer momento você pode limitar, recuperar e excluir suas informações.